Sustentabilidade

Em 12/01/2017 | 16:26h

EUA acusa Fiat Chrysler de infringir regras de emissões de poluentes

EUA acusa Fiat Chrysler de infringir regras de emissões de poluentes


Nesta semana, os reguladores ambientais dos Estados Unidos denunciaram a Fiat Chrysler de utilizar um software proibido para possibilitar que seus veículos fizessem emissões de poluentes em nível acima do permitido por lei.

A denúncia é a mais nova investigação do governo contra as montadoras por supostas transgressões em relação aos poluentes. Além disso, as ações da Fiat retraíram 13% na bolsa de Nova York após a divulgação do assunto.

A Agência de Proteção Ambiental, antes de terminar o mandato do presidente Barack Obama, enviou uma notificação de violação para a Fiat Chrysler, alegando que a montadora utilizou um software ilegal que permitia que veículos a diesel Jeep Grand Cherokee e Ram emitissem tóxicos acima dos limites legais. Os veículos afetados são de modelos entre 2014 e 2016.

O comunicado da agência acontece um dia após seis ex e atuais executivos da Volkswagen ser acusados criminalmente sobre o escândalo de emissão de poluentes da montadora alemã, que envolve inclui quase 600 mil veículos a diesel nos EUA.

A Volkswagen já assumiu a culpa e concordou em pagar US$ 4,3 bilhões em multa, além de acordos anteriores na Alemanha, pagando cerca de US$ 17,5 bilhões em processos civis.

As autoridades americanas sinalizaram que, no caso da Fiat, a atividade ilegal, caso seja comprovada, poderia gerar multa de US$ 4,63 bilhões, baseando-se em pena de US$ 44.539 por cada veículo afetado.

Em nota, a Fiat declarou estar “desapontada” com o fato de que a agência apresentou a notificação. Além disso, que pretende mostrar que seus veículos cumpriam todas as exigências regulatórias previstas.

(Da redação)

Comentários

Para comentar é preciso se identificar:
esqueci a senha | cadastre-se já!

Ainda não há comentários sobre este post.

Ou identifique-se abaixo, no Facebook.
 

Mais Lidas

Mercado 22/01/2013 17:40h

Microsoft pode investir US$3 bi para fechar capital da Dell

A Microsoft estuda investir entre US$1 a US$3 bilhões para o fechamento de capital da fabricante Dell, de acordo com o

Negócios 30/01/2013 15:24h

TIM e Itaú se unem para pagamentos móveis

A TIM informou nesta quarta (30) que está iniciando testes em parceria com o Banco Itaú para a implementação de uma

Telecom 16/01/2013 16:48h

Telefônica Vivo sofre instabilidade de telefonia móvel em SP, SC, PR e RS

A Telefônica Vivo comunicou através de uma nota nesta quarta (16) que o serviço de telefonia móvel da companhia pass

RSS Enviar por email Twitter Facebook

© 2013 Corpbusiness Ltda. Todos os direitos reservados
Agencia Pulse